13 cristãos são presos em cultos domésticos, acusados de converter hindus

  • 27/06/2024

Recentemente, quatro pastores e oito cristãos foram presos na Índia, acusados de converter hindus em eventos separados. As prisões ocorreram no estado de Uttar Pradesh, governado pelo partido pró-hindu Bharatiya Janata (BJP), elevando para 13 o número de cristãos detidos no estado em menos de um mês.

Contexto e Prisões

Segundo a UCA News, as prisões começaram em 7 de junho com a detenção de Abhishek Masih e Anil Masih no distrito de Barabanki. Posteriormente, o pastor Paul e Nandlal Rajbhar foram presos em Ghazipur em 16 de junho. Nos dias seguintes, Ram Chander, Anuj Kumar, Sarvesh Kumar e Hitna também foram levados pela polícia.

O último episódio ocorreu em 23 de junho, quando o pastor Sarju Prasad, do distrito de Ayodhya, e o pastor Naresh Kumar, do distrito de Hardoi, foram presos. Um dos líderes detidos, Sanjay Kumar, e sua esposa, Sunita Devi, foram presos em Azamgarh em 21 de junho.

Denúncias e Acusações

A maioria dos cristãos foi presa durante reuniões de oração em casas, denunciados por vizinhos que alegaram atividades de conversão. “Mais de uma dúzia de cristãos estão sendo acusados de conversão religiosa, embora não haja uma única pessoa que eles tenham convertido”, afirmou um líder local, que não quis se identificar.

Lei Anti conversão de Uttar Pradesh

Uttar Pradesh, o estado mais populoso da Índia, possui uma lei anti conversão que proíbe a mudança de religião por meio de aliciamento, força ou coerção. A lei tem sido usada para justificar a perseguição de cristãos, que representam menos de 1% da população de 200 milhões no estado. Governado pelo BJP, Uttar Pradesh lidera os estados indianos onde os cristãos enfrentam crescentes processos judiciais.

“É uma situação alarmante. Em 20 dias, 13 pessoas foram para a prisão devido a sua em Jesus Cristo”, relatou um líder cristão. Ele expressou sua preocupação com a liberdade religiosa no país: “Não podemos nem orar… nunca imaginei uma situação dessas em nosso país”.

Perseguição Crescente

Segundo a UCA News, a Índia ocupa a 11ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2024 da Missão Portas Abertas. Conforme a Comissão de Liberdade Religiosa Internacional dos Estados Unidos, 12 dos 28 estados indianos, incluindo Uttar Pradesh, possuem leis anti conversão desde fevereiro.

Com informações da Publicação: "13 cristãos são presos em cultos domésticos, acusados de converter hindus" disponível em NT Gospel.

FONTE: https://ntgospel.com/noticias/perseguicao-religiosa/13-cristaos-sao-presos-em-cultos-domesticos-acusados-de-converter-hindus


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Anunciantes