Radicais destroem igreja em vilarejo no Sri Lanka

  • 09/07/2024

Em 2016, o pastor Lasith (pseudônimo) iniciou a pregação do evangelho em um vilarejo no Centro-Norte do Sri Lanka. Desde então, ele tem alcançado e discipulado 15 famílias cristãs, formando uma igreja em meio a uma comunidade que, na maioria, não aceita o aumento dos seguidores de Jesus. Apesar das dificuldades e da perseguição, o pastor e os cristãos locais permanecem firmes na .

Desde o início, a igreja tomou todas as providências para evitar reclamações das autoridades, pois são alvos frequentes de assédio. “Em várias situações, os vizinhos e policiais ameaçaram me bater quando comecei a visitar o vilarejo para pregar o evangelho”, relatou o pastor. O vilarejo é muito pequeno e a população vive em situação precária, com casas provisórias feitas de metal e folhas de coqueiro, sem acesso à água encanada ou eletricidade.

Subtítulo: Vida no Vilarejo

As condições de vida no vilarejo são extremamente difíceis. As casas são provisórias, feitas com quatro folhas de metal como paredes e folhas de coqueiro como telhado. O chão é de terra batida, e as famílias dormem em esteiras. Não há acesso à água encanada ou eletricidade; todos buscam água em um lago próximo. Muitos moradores não têm emprego fixo, algumas crianças não frequentam a escola, e outras perderam os pais. Nenhuma casa tem banheiro. Mesmo sem condições de ajudar a todos em suas necessidades materiais, o pastor Lasith continua pregando o evangelho e fortalecendo a fé da comunidade.

As famílias que se entregaram a Jesus são iletradas, mas possuem grande fé em Cristo e ouvem a pregação da palavra de Deus com atenção. O pastor visita o vilarejo de duas a três vezes por semana, enfrentando uma estrada apertada e precária para realizar os cultos. “É assim que fazemos os cultos aos domingos, nos reunimos embaixo dessa árvore”, contou o pastor, referindo-se ao local onde as crianças estendem as esteiras para ouvir a pregação.

Subtítulo: Ataques e Perseverança

Em 2022, o pastor Lasith e os cristãos começaram a construção de um pequeno salão para os cultos, mas não tinham dinheiro suficiente para terminar a obra. Pouco depois, um grupo de radicais da comunidade atacou e demoliu o espaço. Além da destruição, os cristãos foram convocados a deixar a região, enfrentando pressão diária para sair do vilarejo. Mesmo assim, nenhum deles abandonou a fé em Jesus e continuam com a mesma alegria do dia em que se converteram.

Parceiros locais da Portas Abertas têm dado suporte ao pastor Lasith para continuar o ministério. “O primeiro passo foi distribuir lâmpadas recarregáveis com energia solar para as famílias. Nós também ajudamos o pastor a organizar estudos bíblicos na região”, contou um parceiro local.

Com informações da Publicação: "Radicais destroem igreja em vilarejo no Sri Lanka" disponível em NT Gospel.

FONTE: https://ntgospel.com/noticias/perseguicao-religiosa/radicais-destroem-igreja-em-vilarejo-no-sri-lanka


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Anunciantes